FBAC acolhe atelier aberto da Escola Superior Gallaecia | até 25 de janeiro

A Fundação Bienal de Arte de Cerveira acolhe, até dia 25 de janeiro, a criação dos projetos artísticos dos estudantes finalistas do curso de Artes Plásticas e Multimédia, da Escola Superior Gallaecia​.

Estes projetos serão apresentados no final do presente mês, no âmbito da conclusão de curso, mostrando áreas como a escultura, a realidade virtual, o vídeo, o som, em artefactos e instalações de arte imersiva, sob a coordenação dos responsáveis da Unidade Curricular de Projeto Final.

Bruno Pereira, parte do conceito do pós-humano para a criação de uma instalação que combina escultura de grandes dimensões, vídeo e som.

Madalena Lima explora a ilusão e a realidade virtual através de materiais tangíveis, analógicos, sem recurso a meios computacionais.

Telma Lopes trabalha as memórias e a consciência coletiva numa instalação de arte digital.
Valter Moreira inspira-se nas algas, num projeto experimental multidisciplinar em que o conceito funde a biologia, a arte e a tecnologia.

Em paralelo, Anabela Catanho do curso Técnico de Fotografia e Marcelo Gomes do curso Técnico de Artes Gráficas, ambos da ETAP-Escola Profissional, encontram-se a desenvolver o seu projeto de PAP no âmbito da promoção e divulgação do trabalho desenvolvido pelos estudantes finalistas do curso APM, da esGALLAECIA.

Os trabalhos estarão expostos no Fórum Cultural de Cerveira até 28 de fevereiro de 2018.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone