Concurso internacional de Residências Artísticas 2016 | até 31 maio!

Concurso Residências Artísticas 2016

A Fundação Bienal de Arte de Cerveira (FBAC) tem aberto o período de candidaturas do Concurso de Residências Artísticas 2016, para o desenvolvimento de projetos de artistas nacionais e estrangeiros, em Vila Nova de Cerveira. Segundo o coordenador artístico e de produção, Cabral Pinto, o objetivo é “motivar a troca de experiências e conhecimento entre artistas e destes com a comunidade local, fomentando o desenvolvimento social da designada ‘Vila das Artes’ e projetando as artes e a cultura portuguesa”.

As residências artísticas selecionadas decorrerão em quatro fases, entre 1 de setembro a 31 de outubro de 2016, na Casa do Artista Pintor Jaime Isidoro e no Fórum Cultura de Cerveira, onde se encontram as oficinas de gravura, serigrafia, cerâmica e arte digital, e o atelier de pintura/desenho.
O projeto Residências Artísticas 2016, insere-se no programa de ação cultural desenvolvido pela FBAC e é complementar a outros projetos e atividades, como a Bienal de Arte de Cerveira, a Incubadora de Indústrias Criativas, o Museu Bienal de Cerveira, as exposições temporárias, os ateliers, oficinas e workshops.
O período de inscrição termina a 31 de maio.

Normas do Programa de Residências Artísticas (PT) | (EN)

Formulário de Inscrição (PT) | (EN)

 

A Casa Do Artista Jaime Isidoro
Jaime Isidoro, construtor de edifícios míticos, congregador de sinergias nas Artes, foi o primeiro português que acreditou nos artistas, para lá da sua representação temporal e lhes proporcionou condições de os transformar de visionários em “arquitetos”, de uma nova forma de comunicação, através do que está para lá da visão do simples espetador. Ele foi o promotor da ideia de uma residência em Cerveira que permitisse a criadores de arte fazerem residências de investigação e produção que aproximassem as populações do Concelho, à ideia da comunicação através da Arte para o seu desenvolvimento sociocultural e, consequentemente, económico.
Assim nasceu a Casa do Artista, em 2001, onde já passaram mais de 300 artistas, que produziram grande parte de um espólio artístico, hoje integrado no Museu Bienal de Cerveira.

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on Google+Pin on PinterestShare on LinkedInEmail this to someone